Efeitos secundários dos acidentes de trabalho

Todos sabem que investir na segurança dos trabalhadores é importante. Só no Brasil, de acordo com o ministério da economia ocorreram 576.951 acidentes de trabalho em 2018. Muitos desses acidentes poderiam não ter ocorrido se medidas de prevenção fossem tomadas e existisse um cuidado maior com as atividades nos trabalhos.

Acidentes em locais de trabalho geram muitos problemas, quando não é grave, a menor adversidade será a perda de tempo. Porém, existem cenários de acidentes que impõem atribulações maiores, por exemplo: insegurança nos trabalhadores, diminuição do contingente da mão de obra, atrapalha a produtividade, causa perda de materiais e aumento dos custos de produção.

Os efeitos de um acidente podem ser primários, quando afetam diretamente a um funcionário ou secundários, efeitos que impactam a organização como um todo, porém podem afetar um funcionário não envolvido no acidente diretamente. Alguns exemplos de efeitos secundários são: o abalo emocional, a paralisação da jornada de trabalho no dia do acidente, danos a equipamentos e perda de tempo de produção.

É fundamental entender que os custos gerados por um acidente, refletem nos custos de produção. Assim, mais um motivo para buscar reduzir ao máximo os acidentes de trabalho, pois além de colocar em risco a integridade física dos colaboradores, impacta negativamente os custos de um produto ou serviço.

Os custos gerados por acidentes podem ser identificados de duas maneiras: custos diretos e indiretos. Custos diretos são aqueles de responsabilidade da empresa com colaboradores, são as indenizações, assistência médica e hospitalar. Já os custos indiretos são relacionados ao tempo dos outros funcionários que ajudaram no socorro inicial, danos sofridos pelos equipamentos, remuneração aos acidentados e a diminuição da produção acarretada pela paralisação momentânea de colaboradores.

De acordo com o artigo, Relação entre acidente do trabalho e a produtividade da mão-de-obra na construção civil, apesar de não parecer, os custos indiretos de acidentes, são superiores 4 vezes mais aos diretos, uma vez que afetam a produtividade e consequentemente o custo de produção.

A Displace, por meio da Inteligência Artificial, Computação Visual e Data Analytics desenvolveu uma solução para diminuir os acidentes nos locais de trabalho. Através dessas tecnologias, é possível auxiliar empresas de todos os tamanhos a minimizar custos diretos e indiretos relacionados a acidentes. Fator importante, uma vez que reduzir custos é essencial para poder competir com outras empresas em um mercado extremamente competitivo.

Precisa conhecer as nossas soluções para diminuir o risco de acidentes de trabalho na sua empresa?

Entre em contato, estamos prontos para ajudar.